7 de ago de 2009

Por AMOR

Foi exatamente isto que me levou a gostar tanto de casa. Lembro que esta paixão começou, quando eu fui morar na casa da Tia Dau e ela tinha uns surtos de: tira móvel de um lugar e põe em outro lugar, bem ali não ficou muito bom... vamos ver neste outro canto. Que aos 7 anos não entendia muito bem, até que ela me apresentou o porão, eramos um total de 4 crianças então ela liberava todos os cantos para brincadeiras (Tia Dau é uma guerreira, 4 crianças de uma vez. Eu com 1 só, já piro). Então foi lá, no porão da casa da Tia Dau que entendi minha tia, durante as horas em que brincava de casinha, com minhas primas e foi lá que a paixão surgiu, mas a paixão só virou AMOR quanto fui viver com a minha Vó Santa, isto já adolescente, foi na CASA DA DONA SANTA que aprendi a ser dona de casa, a amar o espaço onde vivo, por mais simples que seja. Lá ela sempre falava:
_ Não importa que a casa seja de pobre, o importante é ser limpinha.
E lá era assim, uma casa humilde de chão sem piso, pois nunca sobrava dinheiro pra fazer, mas sempre impecável, cheia de caprichos e com a porta sempre aberta. Então, queridos foi buscando seguir esta concepção e também, colocar em prática, pelo menos 10% dos projetos que tenho em mente, para minha casa, que criei a CASA DA DONA SANTA.

3 comentários:

Marcelle Rebelo disse...

Apoiado o blog! Tudo a ver, agora vou conhecer mais o seu universo e talento para decorar. Parabéns!

Flora Maria disse...

Muito linda a homenagem a sua avó.
As avós são muito importantes na nossa vida e as minhas assim foram.

Beijo

Casa Fashion disse...

show amiga, adorei seu cantinho bisbilhotei ele todinho e dele me surjiu muitas inspirações e ótimas idéias...

Parabéns pelo seu cantinho e caso queira conhecer a minha casa fique a vontade... http://casaffashion.blogspot.com.br/

bjim e até mais...

Pin It button on image hover